São Paulo, 12/05/2015 - A Defensoria Pública da União (DPU) em São Paulo realizará, em sua sede, o evento “Que Defensoria queremos?”, na quarta-feira (20). A iniciativa complementa os eventos em comemoração ao Dia Nacional da Defensoria Pública e tem como principal objetivo reunir opiniões internas e externas para ampliar o potencial de trabalho da DPU junto aos sistemas de Justiça, melhorando suas perspectivas de atendimento.

A audiência irá abrir espaço para a discussão de vários temas que envolvem diretamente a rotina de atuação da instituição para que, de forma conjunta com órgãos civis e representantes de outras instituições de Justiça, possa buscar melhorias para a defesa gratuita no modelo público.

Mariana Preturlan, defensora pública-chefe da DPU em São Paulo, destaca que “a Defensoria Pública da União em São Paulo tem envidado esforços para a maximização da prestação da assistência jurídica gratuita, com ênfase em grupos vulneráveis: mulheres, presos estrangeiros, refugiados, migrantes econômicos, pessoas em situação de rua, comunidades tradicionais”.

A defensora ressalta, porém, que o diálogo é importante para que haja uma melhor integração da Justiça e da população: “Tal ação só é eficaz a partir do diálogo com as instituições correlatas do sistema de Justiça e, principalmente, com movimentos sociais e entidades representativas”, que são essenciais na relação hoje da DPU com a população hipossuficiente.

As inscrições para os interessados em contribuir com ideias e participar do debate podem ser realizadas até a próxima terça-feira (19), por meio do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. A audiência acontecerá no auditório da DPU em São Paulo, às 15h.

Audiência Pública “Que Defensoria queremos?”
Local: Auditório da Defensoria Pública da União em São Paulo (DPU/SP)
Rua Fernando de Albuquerque, 155 – Consolação
Horário: a partir das 15h

DCC/SSG
Assessoria de Comunicação Social
Defensoria Pública da União